©2019 by RABBIT HOLE STRATEGY

  • Diana Costa

Como Escrever Uma Carta de Motivação

A carta de motivação ou apresentação tem como principal objetivo dar dimensão ao candidato antes da entrevista. O que isso significa: O CV, mesmo que muito bem feito, é uma ferramenta limitada que não dá muito espaço para explicar as escolhas de carreira do candidato. Ao mesmo tempo, não dá para convidar todos os candidatos para uma entrevista dados os desafios logísticos e o gasto de tempo, então a carta de motivação é uma ponte entre o CV e a entrevista. Ela também serve como um filtro, visto que é um esforço a mais que os candidatos terão que fazer. Muitas vezes, candidatos que estão mandando CVs indiscriminadamente nem percebem que havia a exigência da carta de motivação, e são automaticamente eliminados. 


Fazer uma boa carta pode ser a diferença entre ser selecionado ou não, então aqui está a minha receitinha:


Endereçamento: Se você ainda não sabe quem irá olhar seu CV, ligue para a empresa e pergunte. Boa tarde, meu nome é FULANO, estou preparando meus documentos de candidatura e gostaria de saber a quem endereçá-los para garantir que serão recebidos pela pessoa certa. Pronto! 99% das vezes você consegue obter o nome da pessoa ou pelo menos o título, com o qual a carta fica bem mais apresentável. Você pode dizer Senhor/a ou Prezado/a. No cabeçalho, adicione seu nome com destaque, informações de contato e data. Muito importante que a data seja atualizada.


Parágrafo introdutório: Para começar, já no primeiro parágrafo, demonstre que você pesquisou a empresa e que esta carta não é só uma que você copia e cola toda vez que tem que enviar. Por exemplo: "É com enorme satisfação que eu me apresento hoje como candidato à vaga de TÍTULO DA VAGA. Esta carta tem como objetivo principal demonstrar através da minha experiência passada e minhas competências profissionais, assim como minha afinidade com os valores TAL e TAL (cite valores da empresa) que somos muito compatíveis, e acredito que posso -juntamente com o time - contribuir para o atingimento da visão de VISÃO DA EMPRESA (cite aqui a visão e objetivos específicos da empresa)".


Corpo da carta: Aqui, a minha recomendação é organizar os parágrafos na seguinte lógica: O que eu fiz e aprendi > Como isso ajuda a empresa > Porque isso me motiva. Por exemplo: "Minha experiência como TAL na empresa TAL me trouxe aprendizados inestimáveis para minha carreira, como o desenvolvimento de TAL e TAL competências. Estou seguro que estas competências serão indispensáveis para o bom andamento do projeto TAL (mencione aspectos específicos da vaga). Quero muito contribuir com este projeto porque acredito que posso aprender TAL, TAL e TAL coisas e de fato gerar um impacto positivo através do sucesso do PRODUTO ou SERVIÇO (fale do impacto social do produto ou dos benefícios que os consumidores adquirem)". Lembre-se de usar o palavreado que eles utilizaram na descrição da vaga.


Parágrafo final: Reconheça a importância do recrutamento para a empresa, lembrando-os que você é um profissional que tem consideração e que está realmente interessado em contribuir. Por exemplo: "Tenho plena compreensão de que encontrar a pessoa certa para a vaga TAL é de vital importância para os resultados da NOME DA EMPRESA. Eu acredito que posso ser esta pessoa, pelos motivos supra citados e porque vejo muitas possibilidades futuras de crescimento, aprendizado e contribuição para mim e para a NOME DA EMPRESA. Estou à disposição para qualquer esclarecimento que se faça necessário e espero poder continuar esta reflexão em pessoa, durante a entrevista. Cordialmente, FULANO".


É isso aí! A carta de motivação é um ótimo recurso para demonstrar que você é o candidato ideal! Lembre-se das 3 perguntas que o recrutador tem que responder para si mesmo antes de contratar a pessoa:


1. O candidato consegue fazer o trabalho?

2. O candidato vai amar o trabalho?

3. Nós vamos conseguir trabalhar com esse candidato?



Esqueci de alguma dica? Deixe seu comentário!

24 visualizações